Quem Somos

História 

O Centro Social João Paulo II é uma Associação privada de fiéis, criada pela “Associação de S. Paulo”. Esta é dotada de personalidade jurídica canónica, por Decreto de Sua Excelência Reverendíssima o Senhor Arcebispo Primaz, de 24 de Agosto de 1984 e foi. Em conformidade com a Concordata, participada ao Governo Civil de Braga em 27 de Novembro de 1984.

Este foi aprovado por Decreto do Senhor Arcebispo Primaz em 19 de Dezembro de 1991, participada ao Governo Civil de Braga, sendo um serviço social que a Associação de S. Paulo e o Movimento dos Cursilhos de Cristandade de Braga prestam à sociedade de harmonia com os objectivos expressos neste Estatuto e de acordo com o Artigo 5.º do Estatuto da Associação de S. Paulo.

Integra-se na ordem civil como Instituição Particular (IPSS), nos termos do Decreto-Lei n.º 119/83 de Solidariedade Social.

 

Missão

O Centro Social João Paulo II propõe-se contribuir para a melhoria de qualidade de vida individual, familiar e social das populações de âmbito mais carenciado do Distrito de Braga e promover o aperfeiçoamento dos valores religiosos, espirituais, morais, cívicos, sociais e outros.

A sua acção vem privilegiando as crianças, os portadores de deficiência, os idosos e os agregados familiares em ordem a consecução de uma comunidade mais humana, mais fraterna, não esquecendo as palavras do Beato João Paulo II “o homem é caminho da Igreja”.

 

Valores

No exercício das suas actividades, o Centro Social João Paulo II valorizará sempre:

a) A natureza unitária da pessoa humana e o respeito pela sua dignidade dentro dos princípios do personalismo cristão: “Todo o homem é meu irmão” (J.P.II);

b) E ainda o espírito de convivência, e solidariedade fraterna e cristã, social e de partilha, como factor decisivo de trabalho em comum, tendentes à valorização integral dos indivíduos.




Relatório e Contas


Corpos Sociais

Direcção
Presidente Dra. Teresa Falcão
Vice-Presidente     José Manuel Fernandes
1.º Secretário Dr. Paulo Oliveira 
2.º Secretária Prof.ª Carmen Gonçalves
Tesoureiro              José Luís Castro     

   
   
   
   
   
   
 
   
   
   
   
Vogais
  António João Carvalho
  Emílio Enes
   
   
   
Concelho Fiscal
Presidente          Manuel Moreira
Secretária M.ª Amélia Santos
 Vogal Paula Silva
Órgão de Vigilância
  Padre José das Neves Machado